Técnicas para vender imóveis: confira 4 dicas!

Mesmo sendo antigo e tradicional, o mercado imobiliário cresce e evolui todos os dias.

Esse fator alinhado à mudança do comportamento do consumidor, exige que cada vez mais os corretores e imobiliárias atuem com profissionalismo, além de oferecer a melhor experiência possível para seus clientes, agindo como verdadeiros consultores.

Isso porque, além da concorrência ser extremamente alta, o valor necessário para comprar um imóvel também não é baixo.

Com isso, o marketing imobiliário está ligado diretamente ao marketing de relacionamento, para que imobiliária e cliente tenham uma relação de confiança e duradoura.

Contudo, além da confiança, as vendas são essenciais para a sobrevivência do negócio e elas podem se tornar difíceis em diversos casos, sendo necessário criar novas estratégias para facilitar a venda de seus imóveis e alavancar seu negócio. Quer saber quais são elas? Então continue lendo esse post.

1. Crie uma relação de confiança com seu cliente

Conhecida também como “rapport” com origem francesa, criar uma relação de confiança com seu cliente é essencial, como já falado.

Aqui, é necessário utilizar métodos para auxiliar no desenvolvimento de um relacionamento com confiança, empatia e harmonia entre você e seu cliente, criando assim uma conexão duradoura.

Com isso, você consegue conduzir esse relacionamento com maior segurança e de forma certeira para fechar o negócio. Isso porque, além de sua imobiliária oferecer opções que se encaixem exatamente com o perfil do cliente, ele ainda irá te enxergar com alguém confiável para realizar a compra.

Isso facilita todo o processo, visto que você não precisa querer convencer o cliente da compra a todo momento e inclusive ele pode indicar sua imobiliária para outras pessoas.

2. Conheça os produtos que está oferecendo

Por mais óbvio que possa parecer, muitos corretores não conhecem totalmente seu produto, ou seja, os imóveis.

É extremamente necessário ter todas as informações em mente para responder todas as perguntas do comprador com segurança e mostrar que sua empresa realmente entende sobre o assunto.

Portanto, algo simples pode se tornar um grande diferencial entre os concorrentes.

Tanto a imobiliária quanto o corretor devem conhecer a fundo todos os imóveis disponíveis em sua carteira, se atentando a detalhes como qualidade e histórico da construção, localização, características da região, possibilidade de reformas no local, informações sobre a negociação, documentação necessária, valorização do imóvel, etc.

Sabemos que isso pode ser difícil, mas a dica aqui é realizar então uma visita prévia para coletar todas essas informações antes de levar o cliente ao imóvel.

3. Aposte nas redes sociais

As redes sociais são poderosas quando o assunto é venda, mas devem ser usadas com cuidado e sabedoria. O primeiro passo é criar conteúdos relevantes, de qualidade e que gerem valor para seu público-alvo.

Então não, você não vai postar fotos de casas ou apartamentos que está vendendo e seu valor na legenda. Independente da rede social, seja Instagram, Facebook ou LinkedIn, é preciso mostrar que você é autoridade no assunto e sabe exatamente o que está falando.

Por isso, seus posts devem ser voltados para as dores, dúvidas, medos e curiosidades de seu público, buscando solucionar todos os problemas que passam ou já passaram, como dúvidas sobre financiamento, documentação, tipo de imóvel, etc. Ao gerar valor para ele, em uma futura compra é sua empresa que será lembrada.

Contudo, marketing de conteúdo e tráfego devem caminhar sempre juntos. Por isso, invista em anúncios patrocinados, visto que podem oferecer um grande retorno para seu negócio.

Isso porque, seu poder de segmentação é gigante, fazendo com que você atinja as pessoas certas e de acordo com o tipo de imóvel.

Você pode segmentar por faixa etária, sexo, localização, interesses, gostos e atrair um público extremamente qualificado para seu anúncio, aumentando muito a chance de venda.

Além disso, é possível analisar todos os resultados e avaliar qual o retorno obtido.

4. Seja um facilitador para seu cliente

É imprescindível que você seja acessível ao cliente, ou seja, estar disponível para ele de todas as formas e pelo máximo de tempo possível. Isso porque, estar presente e demonstrar que se importa com seu cliente pode fazer toda a diferença para ele decidir fechar ou não o negócio.

Sendo assim, a comunicação deve ser prioridade para sua imobiliária.

A tecnologia deve ser sempre utilizada a seu favor, visto que oferece diversos recursos para facilitar a comunicação, como WhatsApp, redes sociais, chatbots e até mesmo portais de imóveis, que funcionam como catálogos online e que estão disponíveis 24 horas por dia para seus clientes.

Portanto, com essas técnicas e dicas além de aumentar suas vendas, você ainda vai se tornar autoridade no ramo imobiliário. É muito importante lembrar que esse conjunto não irá promover resultados de um dia para o outro, o modo mais rápido é por meio dos anúncios.

Contudo, para realmente colher bons frutos, a estratégia deve ser testada e otimizada sempre que ver necessidade, além de manter a constância na criação dos conteúdos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *