Empréstimos online seguro: fazer empréstimo online é seguro?

É possível fazer empréstimos online seguro? Essa é a dúvida de muitas pessoas que desejam solicitar uma linha de crédito através da comodidade da internet, mas sentem dúvidas sobre a segurança desse procedimento.

Devido a isso, elas perdem oportunidade de obter o crédito que desejam para quitar uma dívida ou realizar os seus sonhos. Para esclarecer esse questionamento desenvolvemos esse post que verifica a seriedade dos empréstimos online.

No final da leitura, você ainda poderá descobrir dicas de como saber se uma empresa é fraudulenta ou não. Confira.

É confiável fazer empréstimos online seguro?

Sim! Existem instituições bancárias e financeiras que adotam procedimentos de empréstimos online seguro para os seus clientes.

Para descobrir quais são elas é importante fazer pesquisas e buscar referências sobre a instituição antes de fechar qualquer negociação. O ideal é que você verifique se a financeira tem registro em órgãos sérios como o Banco Central.

Outra boa dica é acessar o portal Reclame Aqui e verificar a reputação dela no mercado. Além disso, nenhuma instituição financeira confiável irá oferecer condições que sobreponha-se a sua segurança ou dos procedimentos da financeira.

Dicas para solicitar empréstimos online seguro

Para solicitar empréstimos online seguro você precisa ficar atento a alguns sinais que revelam se a empresa é fraudulenta. Para tanto, separamos dicas de como identificar que você está caindo em um golpe:

  • não avaliar o seu histórico de crédito: é estranho que uma instituição financeira não esteja interessada no seu histórico de crédito. Por isso, suspeite caso a instituição não o solicite;
  • taxas antecipadas: instituições sérias não solicitam o pagamento de nenhuma taxa antecipada antes da liberação do empréstimo;
  • pressão para o fechamento do empréstimo: desconfie de financeiras que pressionarem você para fazer a contratação do empréstimo solicitado;
  • informações pessoais: não informe o número do seu telefone ou de cartão de crédito sem antes saber como essa informação será utilizada;.

3 Opções de empréstimo pessoal que costumam ter juros mais baixos

Acumular dívidas é algo que quando acontece, sua vida vira de ponta cabeça. É uma situação complicada e ruim. Porém, se você contratar um empréstimo errado, a sua situação pode ficar pior. Muitos empréstimos têm altas taxas de juros, que ao final do pagamento, o valor pago chega a triplicar do emprestado.

Antes de sair por aí pedindo um empréstimo, verifique o seu orçamento. Veja se não consegue poupar dinheiro por um tempo e quitar suas dívidas. Veja com familiares e amigos se seria possível emprestar dinheiro, evitando assim taxas de juros.

Mas, se você já tentou todas as opções e não conseguiu quitar suas dívidas, fique tranquilo, separamos para você os três tipos de empréstimo pessoal que costumar ter juros mais baixos.

1.    Crédito consignado

Essa é a modalidade mais indicada de empréstimo pessoal pelos especialistas. Os juros são os mais baixos do mercado. Nessa modalidade de empréstimo, o pagamento é realizado direto na folha de pagamento do funcionário, por esse motivo os bancos não têm grandes riscos e assim, conseguem abaixar os juros.

O ponto negativo dessa modalidade é que nem todos conseguem contratar. Somente pensionistas e aposentados do INSS e alguns funcionários públicos conseguem contratar esse tipo de empréstimo pessoal.

2.    Refinanciamento do imóvel

Nessa modalidade de empréstimo, a pessoa que possui um imóvel em seu nome pode usá-lo como forma de garantia para emprestar dinheiro. Como o banco tem a garantia de que se você não pagar, ele assume seu imóvel, os riscos são poucos, então os juros são muito baixos e o número de parcelas podem chegar até 20 anos.

3.    Antecipação da restituição do imposto de renda

Nesse tipo de empréstimo pessoal, a pessoa que irá emprestar o dinheiro, tem o pagamento do empréstimo debitado automaticamente da sua conta quando a restituição do imposto de renda cair. Por esse motivo, os juros são baixos, afinal o banco possui garantia do recebimento.

Empréstimos para Negativados: É possível fazer um empréstimo estando negativado?

Conseguir um empréstimo para negativado era muito difícil há alguns anos. Isso porque a condição destas pessoas não permitia que as instituições tivessem segurança para liberar o crédito para eles.

Mas hoje em dia essa situação mudou e já é possível conseguir um empréstimo para negativado.

Como milhões de brasileiros se encontram nessa situação, os bancos e empresas financeiras perceberam que seria interessante oferecer uma linha de crédito para esse público.

Você vai descobrir se é possível conseguir um empréstimo para negativado neste texto e todos os detalhes sobre o assunto.

Empréstimo para negativado é possível?

Atualmente já é possível conseguir um empréstimo para negativado. As principais empresas financeiras e bancos no mercado oferecem uma linha especial de crédito para este tipo de público.

Uma pessoa fica com o nome negativado quando deixa de pagar alguma dívida. A empresa detentora da dívida encaminha o nome do inadimplente para um órgão de proteção ao crédito.

Essas empresas negativam o nome para que a pessoa não se envolva com mais dívidas. Enquanto a situação não for resolvida, o nome permanece negativo.

Como fazer um empréstimo para negativado?

Para fazer um empréstimo para negativado é necessário localizar uma instituição que faça isso.

Bancos e empresas financeiras costumam oferecer esse tipo de empréstimo com juros mais altos, pois o risco do não pagamento é maior.

Ao encontrar uma instituição que faça isso, a pessoa passará por uma análise de crédito. Se aprovada, o dinheiro é liberado em pouco tempo.

O empréstimo para negativado é seguro?

O empréstimo para negativado é totalmente seguro se feito em empresas que tenham uma boa reputação no mercado e estão dispostas a realizar investimentos.

Essas empresas são conhecidas pelo bom atendimento e variedade nos serviços oferecidos.

Você sabia que é possível conseguir um empréstimo para negativado? Já passou por alguma situação parecida?

Empréstimo Pessoal: O que é um empréstimo Pessoal?

O empréstimo pessoal é uma forma de crédito muito utilizado por milhares de brasileiros. Entre as diversas opções de modalidades, você pode escolher aquela que melhor se adequa ao seu poder de pagamento e, principalmente, às suas necessidades!

Sem contar que o valor total pode ser quitado de uma vez ou dividido em prestações mensais, mas com acréscimo de taxas.

Venha conhecer as vantagens, dicas e como funciona mais esta modalidade de crédito…

Empréstimo pessoal e suas vantagens

Parcelamento flexível

Alguns bancos chegam a oferecer parcelamento em até sessenta meses.

Escolha conveniente

Para fins práticos e de acordo com a operação escolhida, você pode escolher pagar seu empréstimo pessoal em prestações mensais ou de uma só vez.

A variedade

De acordo com a instituição ou banco, você pode ter à sua disposição cerca de quatro opções de empréstimo pessoal, comprovando que a modalidade se encaixa bem a qualquer necessidade.

Opções de empréstimo pessoal

​​​​​​​​​​​​​​​Para cliente, uma necessidade! Confira como as opções de empréstimo pessoal podem cair como uma luva dentro do seu orçamento!

  • Mensal Pós-Fixado;
  • ​Juros pré-fixados;
  • Juros pós-fixados;
  • Juros pré-fixados; ​
  • Mensal Pré-Fixado;
  • ​Crédito Salário Mensal Pré-Fixado.
  • Crédito Salário Mensal Pós-Fixado

Fique atento às tarifas e impostos

Claro que em toda transação financeira de crédito, existem incidentes sobre o valor final, como tarifas e impostos. Confira abaixo o que é quase certo que você terá que enfrentar!

  • Entre as opções pós-fixadas, incidem cobranças como TR e juros mensais;
  • A cobrança de IOF no ato da contratação;
  • Em opções pré-fixadas, os juros são definidos seguindo a taxa vigente na data de contratação.

Em qualquer caso, confira a lista de todos os incidentes presentes numa tabela de tarifas vigente que deve estar sempre à sua disposição na instituição ou banco que você quer realizar um empréstimo pessoal!

Saiba quais foram os carros mais vendidos no Brasil em 2018

carro na estrada

De acordo com os dados informados pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, foi possível identificar um aumento de 13,58% do emplacamento de carros, quando comparado ao ano de 2017.

O sonho da maior parte dos brasileiros é ter o seu carro próprio e conseguir dirigir pelas estradas com um veículo seu e que traga o conforto e praticidade desejada.

Nesse artigo, vamos apresentar os principais modelos de veículos que foram os mais desejados no ano de 2018.

Você pode até mesmo aproveitar essa lista para ajudar a identificar o melhor modelo para a sua necessidade, se está desejando comprar o seu primeiro carro ou mesmo, para trocar o modelo.

Veja quais foram os carros mais vendidos no Brasil em 2018

Conferir os modelos mais vendidos de um ano é importante para entender um pouco sobre a economia do país, a expectativa do crescimento e também, para conhecer os diferentes modelos disponíveis, assim como o diferencial de cada marca.

Preparamos uma lista dos carros que foram os queridinhos do momento, no ano de 2018. Confira abaixo.

  • Chevrolet Onix

Pelo quarto ano consecutivo foi o modelo mais vendido dentro do mercado automotivo. Com aproximadamente 210.450 unidades, sendo de longe um dos veículos mais vendidos do país.

  • Hyundai HB20

Esse foi um dos modelos que disputou o segundo lugar junto com o Ford ka e em alguns momentos até mesmo com o Volksragem Gol.

No entanto conseguiu conquistar esse lugar com 105.506 carros vendidos e emplacados.

  • Ford ka

O ford ka lutou pela vice-liderança e apesar de não conseguir conquistar o 2º lugar, teve um excelente 3º lugar com excelentes números e ainda, o primeiro modelo mais vendido na categoria de entrada.

  • Volksvagem Gol

O modelo é um clássico, bonito e perfeito para quem precisa dirigir pelas ruas de sua cidade.

E pelo jeito, muitos motoristas ainda preferem o Gol como uma excelente opção.

  • Chevrolet Prisma

Especialmente na categoria dos carros sedãs, esse é um dos modelos mais procurados e com um elevado número de emplacamento

  • Volksvagem Polo

No segmento de veículos automotivos é possível identificar um excelente crescimento de mercado, no último ano.

Os especialistas da área e também os economistas acreditam que para o ano de 2019 existem grandes chances de conseguir continuar com excelentes resultados.

  • Renault Kwid

Com design e traços robustos esse modelo possui características e um SUV com a praticidade de um compacto.

Essas características fazem com que esse modelo seja muito pesquisado e desejado.

  • Fiat Strada

Um modelo encontrado facilmente em todo o Brasil, o Fiat Strada conseguiu conquistar essa posição, devido a praticidade do modelo.

  • Fiat Argo

O Fiat argo é um ótimo modelo, com design sofisticado e moderno. No entanto, o que pode ter feito as suas vendas não atingirem posições mais acima foram as convocações de recall para o modelo.

No entanto, foram vendidos vários modelos desse veículo.

  • Jeep Compass

O Jeep Compass possui um design de carro SUV médio, com versão compacta. Esse veículo possui um porte intermediário assim como o seu preço, claro que quando é comparado com o valor do SUVs. Conheça os pneus que este tipo de carro utiliza em uma loja de pneus em Curitiba.

Mostramos aqui quais foram os 10 modelos mais vendidos no país, mas saiba que existem outros modelos de veículos que também tiveram um excelente resultado de vendas, sendo possível listar até mesmo 50 modelos diferentes.

Em cada um dos diferentes segmentos do setor automobilístico, você também pode identificar os modelos mais vendidos e dentro de cada categoria, de modo que terá um modelo diferenciado na primeira posição para cada categoria.

Isso também ajuda aqueles que estão querendo escolher um carro para comprar, qual será a melhor opção de cada categoria, podendo ser SUV, carro de passeio, entre outros.

Para você entender melhor, na categoria hatch médio, por exemplo, o Chevrolet Cruze conquistou o primeiro lugar nas posições de vendas.

Crédito Pessoal: O que é crédito pessoal

crédito pessoal

O crédito pessoal é uma das opções que se tem para conseguir dinheiro fácil e rápido seja para quitar uma dívida, emergências, comprar um bem ou financiar uma viagem.

Hoje existem diversas instituições financeiras que oferecem essa modalidade de serviço, mas é preciso ficar atendo as condições, taxas de juros, e se a mesma se trata de uma empresa confiável.

Se você está interessado em pedir um crédito pessoal, confira abaixo algumas das informações que você precisa saber antes de contratar um.

As vantagens do crédito pessoal

Uma das principais vantagens do crédito pessoal é a sua contratação, que pode ser feita de forma simples e rápida, com parcelas que cabem no seu bolso, através do débito automático ou boleto bancário.

Também, é possível escolher a melhor data de vencimento para o pagamento das parcelas, e após a análise do seu crédito pessoal, se aprovado, em geral em até 24 horas o dinheiro já ficará disponível para você usar como quiser.

Quem pode pedir um crédito pessoal?

Qualquer pessoa pode solicitar um crédito pessoal, um trabalhador autônomo, aposentado, pensionista e até mesmo pessoas como o nome sujo.

Em muitos casos, será preciso apenas comprovar renda, mas, no caso de pessoas negativadas, há financeiras que exigem como garantia algum bem de valor, como imóvel ou seu carro.

O crédito pessoal com garantia, ainda pode oferecer taxas de juros mais baixas, e parcelas mais longas.

Como funciona a aprovação do crédito pessoal

Após a solicitação do seu crédito pessoal o banco ou instituição financeira analisará seu score, para saber se você tem condições financeiras de pagar as parcelas.

Junto ao score, são analisados também:

  • Documentos pessoais
  • Comprovantes de renda
  • Hábitos de consumo
  • Dívidas
  • Outros tipos de informações.

Já no empréstimo com garantia você precisará enviar os documentos do imóvel ou veículo, como documento do veiculo ou escritura da casa.

Mas, de modo geral o crédito pessoal é a melhor forma de conseguir um dinheiro extra para investir em sua vida.

Conheça cursos gratuitos para turbinar o seu currículo

A carreira que escolhemos seguir é o que vai nos acompanhar ao longo de nossa vida profissional e pessoal, assim sendo é importante sempre mantermos nosso currículo atualizado. Mas uma atualização de currículo não é apenas informações de locais que já trabalhamos, a formação acadêmica é importante e pode impulsionar a carreira.

Mas, infelizmente, nem todas as pessoas tem os recursos suficientes para investirem em cursos de graduação ou pós-graduação. Por esse motivo listamos a seguir algumas plataformas ou cursos gratuitos para turbinar seu currículo para você fazer e se especializar aumentando as chances de conseguir o emprego dos seus sonhos.

Conheça alguns cursos gratuitos para você turbinar seu currículo

  • Codecademy – para quem já tem domínio da língua inglesa e é da área de programação essa plataforma oferece cursos gratuitos na área. Mas todo o site e os cursos não são em português, mas sim em inglês. Nesse site você pode tem a possibilidade de partir do início na área da programação ou, se já tiver conhecimento na área, ir para níveis mais avançados.
  • Esags – sem cobrar nenhum pré-requisito, o Esags oferece cursos nas áreas comportamentais, de formação de lideranças, gestão de tempo e comunicação. O site é em português, o que o torna mais acessível. Todos os cursos oferecidos são totalmente gratuitos. Não é necessário ter graduação ou algum conhecimento prévio para iniciar os cursos, apenas realizar o cadastro na plataforma.
  • Coursera – sendo uma das plataformas mais conhecidas, ela reúne 16 universidades de renome internacional. Os cursos são oferecidos na língua inglesa, portanto é necessário o conhecimento prévio do idioma para conseguir realizar o curso desejado. A plataforma abrange as áreas de alimentação e nutrição, artes, biologia, ciência da computação, economia e finanças, educação, energia e ciências da terra, estatística e análise de dados, negócios e gestão, química, entre outras áreas.
  • Veduca – com conteúdo de cursos de nível superior, a plataforma é bastante conhecida. Ela abrange cursos universitários de todo o mundo, contemplando mais de 20 áreas do conhecimento, todos os cursos em vídeo-aulas. O conteúdo é oferecido em vários idiomas, variando conforme o curso desejado. Todos os cursos são gratuitos.
  • Busuu – a plataforma oferece cursos de idiomas gratuitos, indo desde os mais comuns, como o inglês e o espanhol, até línguas menos procuradas, como o mandarim. Os cursos são oferecidos na língua nativa do aluno, nesse caso são oferecidos em português também. O site é tanto para se aprofundar mais em um idioma como para começar do zero.
  • IETEC – O Instituto de Educação Tecnológica é referência na área de educação tecnológica, como o próprio nome sugere. Oferecendo cursos nas áreas de gestão ambiental, liderança, gestão da inovação e outras áreas, o site oferece o conteúdo de forma gratuita aos interessados.
  • My English Online – uma plataforma que oferece estudos para a língua inglesa, o My English Online é gratuito, e vai do inglês básico até os níveis mais avançados. Existem na plataforma atividades interativas, como as de áudio e fala. Além da plataforma é possível também se inscrever nos cursos presenciais oferecidos para alunos da plataforma.

Rastreador com seguro: 5 Vantagens para contratar um rastreador com seguro para seu veículo

Rastreador com seguro - 5 Vantagens para contratar um rastreador com seguro para seu veículo

O rastreador com seguro é a combinação de dois serviços que contribuem na segurança do veículo em casos de roubo, furto e perdas. Sua funcionalidade começou a ficar popular recentemente, mas ainda são poucos os que sabem tudo sobre ela.

Rastreador com seguro - 5 Vantagens para contratar um rastreador com seguro para seu veículo

Não entender as vantagens da utilização dessa tecnologia é o que impede diversos motoristas de usufruir de um ótimo sistema de segurança veicular, que inclui desde a monitoração até a reposição em casos de prejuízo.

Continue lendo este post para descobrir as vantagens únicas em contratar esse eficaz serviço de segurança. Capaz de garantir a proteção tanto do veículo, quanto do proprietário e sua família.

 

1. Rastreador com seguro oferece segurança

Sem dúvidas, um rastreador com seguro é a melhor forma de garantir a segurança total para seu veículo em casos de roubo. Isso ocorre pelo fato dele possuir uma avançada tecnologia de geolocalização, instalada no automóvel ou moto.

Através dela, o motorista tem acesso preciso a localização do veículo, mesmo nos casos dele ser furtado e levado para locais distantes. Isso já aumenta drasticamente as chances de recuperar o veículo.

Além disso, mesmo que haja um acidente e ocorram perdas significativas no patrimônio, o seguro veicular irá cobrir os valores. Essa é a garantia de que o veículo estará protegido contra todo tipo de prejuízo.

 

2. Recuperação rápida

O rastreador permite que seu veículo seja encontrado onde quer que ele esteja, de forma simples, o que agiliza muito o processo de recuperá-lo. É por isso que muitas vezes se encontram o automóvel sem apresentar dano.

Algumas pessoas, por exemplo, relatam que nem mesmo perceberam o desaparecimento do carro, pois a empresa fornecedora do rastreador analisou que o veículo saiu da área registrada para circulação e conseguiu recuperá-lo.

 

3. Rastreador com seguro tem preço acessível

A segunda vantagem dessa ferramenta é que os preços de mercado desse tipo de rastreador, são muito mais baratos que um seguro convencional. O seu baixo preço não quer dizer que ele oferece pouca segurança, pelo contrário esse serviço é capaz de cobrir até 100% do valor FIPE nos casos de danos.

A contratação do rastreador com seguro também não inclui o sistema de avaliação de perfil de risco, famoso por aumentar o preço do seguro em muitos casos. Isso faz com que esse serviço tenha um excelente custo-benefício.

Ou seja, mesmo pagando menos o proprietário do veículo ainda tem os mesmos benefícios para cobrir prejuízos.

 

4. Sistema de rastreamento online

Com um dispositivo como este instalado no automóvel, o cliente terá a vantagem e o conforto de sempre saber a localização do mesmo em tempo real, já que os rastreadores possuem a opção de rastreamento online.

São várias as empresas que fornecem o próprio aplicativo com o serviço de localização, para que assim o segurado consiga achar seu veículo de maneira rápida e prática em qualquer lugar do país.

Também é possível ver um histórico com os lugares em que o veículo esteve em determinado horário.

 

5. Rastreador com seguro tem serviços diferenciados

O rastreador com seguro oferece serviços inovadores, que nenhum seguro convencional pode proporcionar. Confira a seguir alguns recursos importantes desse tipo de dispositivo.

 

Auxílio em casos de sequestro

O simples fato de saber a localização do carro já ajuda muito a agilizar o resgate da vítima. Além disso, o dispositivo ainda oferece a instalação do “botão de pânico” em um local escondido, que quando acionado envia a polícia diretamente para o local indicado do veículo.

 

Bloqueadores

Alguns rastreadores possuem uma função que corta a ignição do motor remotamente, impedindo que ele funcione e assim forçando o veículo a parar de se locomover.

 

Assistência 24 horas

O rastreador com seguro, oferece assistência 24 horas com opção para socorro mecânico, guincho, chaveiro, troca de pneus, pane seca, dentre outros, que deixam o proprietário do veículo mais confortável em diversos casos.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a cada minuto um veículo é furtado no Brasil. Portanto, todas essas vantagens do rastreador com seguro faz dele uma opção em que vale muito a pena investir.

Agora que já sabe todas as vantagens que terá com este dispositivo você poderá analisar mais conscientemente as opções do mercado e escolher a que mais atende as suas necessidades.

Como lidar com o Red no Trade Esportivo

red é normal no trade

Entenda por que o Red faz parte no Trade Esportivo

Se você está iniciando no trading esportivo é importante que entenda por que o Red faz parte no trade esportivo, para entender o que ele significa continue lendo.

Quando os traders estão fazendo operações na Betfair, ou em qualquer outra plataforma de trade eles devem ter em mente que a sua operação pode ser perdida. Isso pode acontecer caso aconteça algo que não deveria, por exemplo, um gol contra, uma expulsão e etc.

Porém, na maioria das vezes acontece de forma normal, por isso os traders devem ficar cientes de quanto vão perder e de como poderiam tirar proveito daquela situação.

Por que o Red faz parte do trade esportivo?

Para explicar de uma forma simples para que você entenda por que o red faz parte no trade esportivo, o termo “Red” significa que o trader ficou no prejuízo em uma operação.

Para os traders profissionais o Red acontece quando fazem um negociação ruim, investindo em uma odd que o fez perder dinheiro. Em uma operação é necessário ter em mente que você pode ganhar ou perder, porém ninguém quer ficar no prejuízo, mas quem opera neste mercado sabe dos riscos.

Por este motivo, precisa encarar o prejuízo com naturalidade e mantendo o controle emocional quando o red aparecer. Assim é possível é se restaurar psicologicamente para tentar recuperar o dinheiro que foi perdido em outra operação de trade esportivo.

Como lidar corretamente com o Red

pessoa estudando formas de lidar com o red

Para lidar corretamente com o red no trade esportivo você trader iniciante não deve ficar abalado, os prejuízos acontecem porque fazem parte do jogo. Por isso, tenha cuidado com a gestão da sua banca, para garantir que não vai perder muito dinheiro em cada operação.

Além disso, antes de investir estude cada um das odds, para entender o te faz investir em uma operação ruim. Com essa reflexão você vai se aperfeiçoando e futuramente se tornará um profissional capaz de descobrir os melhores investimentos no trade esportivo.

Termos utilizados no trade esportivo

Além do Red no trade esportivo existem outros termos que são comuns neste mercado. Porém para as pessoas que estão iniciando essas palavras podem parecer estranhas observe.

Back: É um termo em inglês que significa a favor. Quando o trader faz um back ele está operando em favor de algum acontecimento na partida.

Delay: significa que algo está em atraso em relação ao que está acontecendo na televisão ou no stream da partida.

Lay: É um termo em inglês, ele significa ficar contra. Quando trader esportivo faz um lay  ele está torcendo contra um acontecimento.

Lay-the- draw: Esse termo em português é “trade contra o empate”, ele significa que o trader quer que um dos dois times ganhe o jogo.

Esses alguns dos termos que são encontrados no mercado esportivo para conhecer os demais você precisa procurar um dicionário de trade esportivo.

Conclusão  

Investindo em futebol ou em qualquer outra modalidade é possível obter ótimos lucros, porém operar no mercado esportivo não é tão simples como parece, pois é necessário analisar bem o mercado e criar estratégias que sejam capazes de gerar lucro. Além disso, é importante que você entenda por que o Red faz parte no trade esportivo, e aceite tranquilamente perder em uma operação esportiva.

Emprego para jovens: diferenças entre contratos de estágio e treinamento

Os contratos de treinamento e estágio diferem em sua duração, finalidade, idade do trabalhador, remuneração e envolvimento do empregador.

Em 2018, as modalidades de contrato foram reduzidas de 41 para cinco: contrato por tempo indeterminado, temporário, estágio e treinamento e aprendizado. Mas até mesmo falar sobre contratos pode criar confusão. Quando um estágio é realizado ou uma bolsa de estudos é coberta em uma empresa , um contrato de treinamento ou estágio é assinado.

Ambos podem parecer muito semelhantes , mas cada um é diferente. O artigo a seguir explica suas diferenças , que afetam principalmente a duração, finalidade, idade do empregado, retribuição e envolvimento do empregador na formação do trabalhador.

Contratos de práticas e treinamento: suas diferenças

Os contratos de treinamento e aprendizado e os contratos de estágio são muitas vezes confusos, mas, no entanto, são muito diferentes. O estágio visa obter a prática profissional adequada ao nível de estudos do trabalhador.

O treinamento , por sua vez, visa a aquisição pelo funcionário da formação teórica e prática necessária para desempenhar adequadamente uma ocupação que requer uma certa qualificação do PIS.

Para além do seu objectivo, distinguem-se pela duração, idade do trabalhador, remuneração e em termos do envolvimento do empregador em relação à formação da pessoa contratada.

Contratos de estágio

  • O local de trabalho permitirá que o empregado obtenha a prática profissional adequada ao seu treinamento.
  • O trabalhador deve estar em posse de um diploma universitário ou formação profissional de um grau médio ou superior ou graus que são oficialmente reconhecidos como equivalentes, ou um certificado de profissionalismo que o qualifica para a prática profissional.
  • O contrato deve ser concluído no prazo de cinco anos após a conclusão dos estudos com direito ao pis.
  • A duração do contrato varia entre seis meses e dois anos, embora os acordos coletivos possam determinar outra duração e também definir os postos de trabalho, grupos, níveis ou categorias profissionais que podem formalizar contratos na prática.
  • A remuneração nunca poderá ser inferior a 60% ou 75% durante o primeiro ou o segundo ano do contrato, respectivamente, do salário definido no contrato para um empregado que realiza o mesmo trabalho ou equivalente.
  • Não há limite máximo de idade para o trabalhador no contrato de estágio.

Contratos para treinamento e aprendizado

  • Eles permitem que o jovem adquira prática e aprenda teoria para realizar um ofício .
  • Destinam-se a pessoas entre os 16 e os 25 anos (excepcionalmente inclui pessoas com menos de 30 anos até a taxa de desemprego de 15%) que não têm a qualificação profissional necessária para celebrar um contrato na prática , por isso é pode aceitar a esta modalidade de contrato os trabalhadores que frequentam a Formação Profissional.
  • A duração do contrato em formação é de um a três anos e pode ser modificada por acordo de um mínimo de seis meses a um máximo de três anos.
  • O trabalhador deve ter tempo dentro do dia útil para se dedicar ao seu treinamento . Essa educação pode ser ministrada na própria empresa ou em centros reconhecidos, e é de responsabilidade do empregador ou do tutor designado.
  • O valor da remuneração é geralmente menor que o dos contratos de estágio e será aquele fixado no acordo coletivo. Nunca pode ser menor do que o Salário Interprofissional Mínimo em proporção ao tempo de trabalho real. Durante o primeiro ano o empregado receberá 75% do salário definido – 25% do seu dia de trabalho é dedicado à formação – e no segundo e terceiro ano de contratação será de 85% do salário definido – de 15% do seu dia trabalho para treinamento.