Máquina de cartão: conheça as máquinas com menores taxas

Nos dias de hoje, se você tem um negócio, algo essencial é trabalhar com diversas formas de pagamento. Afinal, você não pode perder vendas por não aceitar uma forma de pagamento que o cliente possui. Com o intuito de te ajudar a aceitar as mais variadas formas de pagamentos possíveis, nós vamos te mostrar as máquinas de cartão disponíveis no mercado e destacar aquelas que possuem menores taxas.

Conheça as máquinas de cartão com menores taxas

Atualmente, são muitas as empresas que oferecem o serviço de máquina de cartão. E existem empresas que vendem as máquinas e não é necessário o pagamento de aluguel das mesmas, você compra e a máquina de cartão é sua. Porém, o que você precisa avaliar ao adquirir uma dessas máquinas, são as taxas referentes as vendas realizadas. Separamos algumas opções para que você possa avaliar de acordo com o tamanho do seu negócio, veja a seguir e compare:

SumUp Top

A maquininha SumUp Top é ideal para pequenos negócios. Ela funciona via internet móvel ou wi-fi. A máquina aceita as principais bandeiras de cartões, mas não é recomendada para estabelecimentos alimentícios, pois, não aceita os cartões vale refeição.

Valor de compra: R$ 68,40

Taxas para vendas no débito: 2,3%, com recebimento entre 1 a 2 dias.

Taxas para vendas no crédito: 3,1%, com recebimento em até 30 dias.

Antecipação de recebimento do crédito: 4,6%, com recebimento em 1 dia útil.

Minizinha PagSeguro

A Minizinha é uma das opções com menores taxas. Ela funciona com apoio de um celular ou tablet conectados via internet móvel ou wi-fi. A máquina aceita os cartões refeição, ou seja, é uma ótima escolha para estabelecimentos do ramo alimentício.

Valor de compra: R$ 68,40

Taxas para vendas no débito: 1,99%,

Taxas para vendas no crédito à vista: 3,19%

Taxas para vendas no crédito parcelado: 3,7%

Máquina de cartão: 5 melhores opções do mercado

Atualmente as pessoas estão usando cada vez menos o dinheiro em célula, por questões de segurança e também praticidade, os cartões de crédito e débito caíram na graça da população, e hoje é a principal forma de pagamento.
Com esse novo cenário os donos das empresas precisaram seguir o fluxo, portanto, foram atrás da máquina de cartão, que acabam ganhando clientes quando tem a opção de pagamento.

O mercado de máquina de cartão está se ampliando cada vez mais, e com alta concorrência, é possível ter uma maquininha com taxas bem reduzidas. Para te auxiliar nessa escolha, preparamos um artigo com as melhores no mercado para você escolher a melhor para seu negócio.

Maquina de cartão do Brasil: As 5 melhores

1.      Cielo Zip

Essa máquina de cartão aceita mais de 70 de cartões e não é necessário o uso do celular. É preciso comprar a máquina, porém não há aluguel ou mensalidade

2.      Getnet Superget Compra

Não é necessário celular e não tem taxa de adesão para essa máquina de cartão, e você pode escolher entre o chip, chip 3G e Wi-Fi, o chip tem planos de dados gratuitos.

3.      Izettle

A máquina de cartão da Izettle não tem aluguel, é preciso comprar a máquina e há também as taxas de transação. Ela pode ser conectada no celular via Bluetooth.

4.      Pag Seguro Moderninha Smart

É preciso comprar essa máquina de cartão, mas ela tem 5 anos de garantia e não possui aluguel ou taxa de adesão, além disso, ainda conta com conta digital gratuita para gerenciar seu negócio e um chip 4G com plano de dados grátis.

5.      SumUp Top

A máquina de cartão SumUp Top funciona com o celular, de sistema operacional Android ou IOS, e não tem mensalidade.

Essas são as melhores opções de máquina de cartão no mercado atualmente, você também pode fazer uma simulação dessas e varias outras marcas no site do CoteCompare.

Como conseguir dinheiro para emergência sem recorrer ao empréstimo

Adquirir um empréstimo às vezes é inevitável. Seja por incidentes que estamos sujeitos a passar, seja por descuido na hora das contas, o que acaba gerando dívidas.

A grande questão, é que às vezes um empréstimo também se torna inviável. Isso porque as taxas de juros e as demais taxas aplicadas acabam sendo muito altas. Se você possui restrição no nome então, o valor total do empréstimo chega a ser quase 3 vezes maior do que o valor solicitado.

Mediante a essa situação, o que fazer para conseguir dinheiro para suprir uma determinada emergência, sem ter que necessariamente recorrer a um empréstimo com bancos ou financeiras?

Parece estranho, mas há algumas possibilidades. Veja só:

3 Formas de Conseguir Dinheiro sem fazer Empréstimo

1.    Desfazer de Bens:

A primeira delas é tentar vender algo que você tem. Um bem, seja um carro, um smartphone, um notebook. Enfim, tentar vender algo para arrecadar algum dinheiro. Essa etapa pode levar algum tempo, mas é uma ótima opção se o objetivo for quitar dívidas.

2.    Amigos e Família:

Agora, se o objetivo for um caso urgente, onde você precise levantar uma dada quantia agora, uma opção pode ser tentar emprestar de amigos e familiares. E contar o motivo que o levou a solicitar esse empréstimo familiar é a melhor forma de conseguir. Sem contar, que estará livre das taxas abusivas de juros. Seria ético devolver um percentual a mais do valor solicitado, como forma de agradecimento.

3.    Freelas:

Outra opção para levantar dinheiro sem ter que solicitar formalmente um empréstimo, seria realizar trabalhos fora do horário do seu trabalho convencional. O famoso “bico”. Ou, em outros termos, realizar freelas.

Hoje em dia, com a internet, há sites especializados nesse assunto. Você se cadastra, informa o que faz e o que está buscando e disponibiliza seu perfil. Da mesma forma, pessoas que precisam do seu serviço irão fazer uma busca no site e, se você estiver dentro do perfil, terá seu cadastro disponibilizado.

Essas são as três principais formas de conseguir dinheiro sem ter que fazer um empréstimo.

Vale lembrar que a melhor forma de manter sua vida financeira estável, é poupar. Sempre importante ter uma poupança para emergências. 

Simular consórcio: o que é consórcio e 3 formas de simular

        Muitas pessoas podem acreditar que consorcio é o mesmo que financiamento, mas não é bem assim. Entenda melhor neste texto o que é e como simular consórcio.

        Basicamente, consórcio é quando um grupo de pessoas, seja física ou jurídica, tem um interesse em comum: comprar um bem (imóvel, automóvel), mas não tem a pressa de obtê-lo em mãos imediatamente. Quem organiza esses grupos são empresas, que tornam possível o funcionamento e cobram as devidas taxas de cada contribuinte.

        A empresa repassa o número de parcelar para que todo mês algum contribuinte possa adquirir um bem. Para escolher o ganhador do mês, um sorteio é realizado e o premiado recebe uma carta de crédito que comprará o bem desejado.

Você pode simular consórcio online, rápido e fácil, de três maneiras diferentes. Confira abaixo:

1.      Banco

        Instituições financeiras bem consolidadas e de grande confiança, muitos bancos disponibilizam esse serviço. Para simular consórcio com eles, basta entrar na sua página, informar qual o objetivo do consórcio e preencher algumas informações básicas, como nome, e-mail, CPF, telefone e data de nascimento.

2.      Instituição

        São empresa desenvolvidas com esse único fim. Para simular consórcio em uma delas, basta acessar seu site e informar para qual bem deseja ter. Além disso, informar também o valor do bem e o quanto está disposto a pagar mensalmente.

3.      Outros

Empresas como a Magazine Luiza também disponibilizam o serviço de consórcio para seus clientes. Para simular consórcio com esse tipo de empresa, basta acessar a sua página e informação qual bem deseja ganhar. Em seguida, informe tipo de pessoa (física ou jurídica), nome, e-mail, telefone, estado e cidade.         Depois de realizar as três formas de simular consórcio, escolha a melhor para você, contribua

Simular Empréstimos: 2 Formas de simular empréstimo na internet

A internet foi e ainda é responsável por uma revolução em nossas vidas. Com ela, é possível ter acesso ao mais variado tipo de informação. Uma receita de bolo, se está chovendo do outro lado do mundo, fazer compras, e até pagar contas. 

É natural que com a popularização dessa ferramenta, cada vez mais empresas disponibilizem produtos e serviços. Os bancos e instituições financeiras são exemplos disso. 

Além de pagar contas, consultar saldos e extratos, agora também é possível simular empréstimos na internet. Mas com tantos sites, e com tantas ofertas, como saber qual a melhor maneira? Confira 2 formas de simular empréstimo na internet. 

Instituições financeiras 

Instituições financeiras são empresas supervisionadas pelo Banco Central, e autorizadas a prestar alguns serviços financeiros. Investimentos e empréstimos, por exemplo. 

As instituições financeiras geralmente disponibilizam em seus sites calculadoras de empréstimo.  Para simular o empréstimo, é necessário incluir alguns dados como valor do empréstimo, renda, quantidade de parcelas. Em poucos minutos você tem uma proposta. 

Dependendo da empresa, é possível tanto simular empréstimos como contratá-los, tudo online, de maneira rápida e simples. Em alguns casos, a contratação precisa ser feita na agência da financeira. 

Bancos Tradicionais 

Os bancos tradicionais ainda são o meio mais comum de contratar crédito. A segurança de uma instituição grande e conhecida, traz segurança para a maioria das pessoas que buscam crédito.  

Cada vez mais os bancos veem tentado simplificar seu relacionamento com o usuário. Inclusive disponibilizando ferramentas para simular empréstimos de maneira online. Assim como em algumas financeiras, em alguns casos é preciso ir na agência para formalizar o negócio. 

Apesar de ter se tornado algo muito mais acessível, antes de contratar um empréstimo, fiquei atento aos detalhes. Taxa de juros, quantidade e valor das parcelas e se será possível arcar com as prestações.  

Simular empréstimos através da internet é simples e pode poupar bastante trabalho. No entanto, antes de contratar seu empréstimo pesquise bastante, entre no site das empresas, se informe. Faça um planejamento financeiro e não esqueça de pagar em dia suas parcelas! 

Simulação de cartão de crédito: Veja como simular cartão de crédito online

Uma das soluções mais utilizadas pelo brasileiro nos dias atuais é o cartão de crédito.

Por conta da alta procura por essa solução, as empresas que a oferecem possibilitam que seja feito uma simulação de cartão de crédito de forma online.

Dessa maneira, o consumidor pode comparar as taxas e os diversos benefícios de cada cartão de crédito.

Neste artigo você irá descobrir como realizar a simulação de cartão de crédito. Confira!

Simulador cartão de crédito: sites das operadoras de cartão

O cartão de crédito é um serviço muito procurado no Brasil. Isso se deve ao fato da sua facilidade de uso, que permite que pessoas com uma renda mais baixa consigam comprar produtos e serviços que são maiores que suas rendas.

Por isso, para converter mais clientes, os sites das operadoras de cartão possuem uma área específica onde é possível realizar uma simulação de cartão de crédito

Lá é possível através de uma análise rápida no perfil do consumidor, saber o limite, os benefícios e as taxas de cada categoria de cartão.

Simulador cartão de crédito: sites comparativos de cartões

Existem sites especializados na comparação de diversos serviços na internet. Com o cartão de crédito não poderia ser diferente.

Esses sites buscam informações de cada cartão de crédito disponível no mercado e os compara, trazendo os resultados para o consumidor decidir qual a melhor opção.

De acesso gratuito, esses sites são ótimas opções para se pesquisar antes da decisão de qual cartão solicitar.

Simulador cartão de crédito: redes sociais

As redes sociais podem ser uma aliada para a simulação de cartão de crédito. Isso porque, cada vez mais as pessoas buscam informações nesse canal.

Sabendo disso, os usuários de redes sociais compartilham suas experiências nas páginas oficiais das operadoras de cartão.

Você sabia que era possível simular cartão de crédito?

EMPRÉSTIMOS PARA NEGATIVADOS: É POSSÍVEL FAZER UM EMPRÉSTIMO ESTANDO NEGATIVADO?

Uma situação que tem se tornado até comum nos dias de hoje é ver pessoas com restrições de crédito. Dados mostram que milhões de brasileiros estão com nomes ativos em órgãos como o SPC e SERASA. Além do constrangimento, uma das maiores dificuldades do devedor é ter acesso à algum crédito para fazer pagamentos de dívidas devido à restrição no mercado.

Apesar do grande número de negativados em que o país se encontra nos últimos anos, é possível sim fazer um empréstimos para negativados. Sim, algumas instituições oferecem crédito para pessoas nessa situação.

Hoje existem basicamente 3 tipos empréstimos para negativados:

1.      Empréstimo para Negativados – Consignado 

Pagamento através da folha de pagamento (se for trabalhador público) ou benefício (se for aposentado ou pensionista). O pagamento do empréstimo é debitado automaticamente, antes do salário ou benefício da pessoa cair na conta;

2.      Empréstimo para Negativados – Refinanciar Imóvel

Se a pessoa possui um imóvel já quitado, ele pode ser usado como garantia de empréstimo.

3.      Empréstimo para Negativados – Refinanciar veículo 

Se já possui automóvel quitado, ele pode ser colocado como garantia para o empréstimo.

Apesar das opções, conseguir esse tipo de crédito não é tão simples. As instituições financeiras são mais cautelosas para permitir empréstimos para negativados e geralmente fornecem crédito com juros mais altos que podem chegar até o dobro dos que são praticados em empréstimos comuns.

A primeira coisa a se fazer antes de adquirir esse tipo de empréstimo é tentar negociar as dívidas diretamente com os credores os quais se está devendo. Esse tipo de negociação pode ser mais vantajoso, pois a possibilidade de se ter desconto e parcelamentos são bem maiores e os juros geralmente são mais baixos.

Se a opção é mesmo fazer um empréstimos para negativados, vale a pena pesquisar e comparar as condições bem como as taxas e juros das instituições financeiras antes de fechar um contrato. Afinal de contas, esse tipo de empréstimo tem a finalidade de auxiliar e não de afundar o negativado em mais dívidas!

Empréstimos online seguro: fazer empréstimo online é seguro?

É possível fazer empréstimos online seguro? Essa é a dúvida de muitas pessoas que desejam solicitar uma linha de crédito através da comodidade da internet, mas sentem dúvidas sobre a segurança desse procedimento.

Devido a isso, elas perdem oportunidade de obter o crédito que desejam para quitar uma dívida ou realizar os seus sonhos. Para esclarecer esse questionamento desenvolvemos esse post que verifica a seriedade dos empréstimos online.

No final da leitura, você ainda poderá descobrir dicas de como saber se uma empresa é fraudulenta ou não. Confira.

É confiável fazer empréstimos online seguro?

Sim! Existem instituições bancárias e financeiras que adotam procedimentos de empréstimos online seguro para os seus clientes.

Para descobrir quais são elas é importante fazer pesquisas e buscar referências sobre a instituição antes de fechar qualquer negociação. O ideal é que você verifique se a financeira tem registro em órgãos sérios como o Banco Central.

Outra boa dica é acessar o portal Reclame Aqui e verificar a reputação dela no mercado. Além disso, nenhuma instituição financeira confiável irá oferecer condições que sobreponha-se a sua segurança ou dos procedimentos da financeira.

Dicas para solicitar empréstimos online seguro

Para solicitar empréstimos online seguro você precisa ficar atento a alguns sinais que revelam se a empresa é fraudulenta. Para tanto, separamos dicas de como identificar que você está caindo em um golpe:

  • não avaliar o seu histórico de crédito: é estranho que uma instituição financeira não esteja interessada no seu histórico de crédito. Por isso, suspeite caso a instituição não o solicite;
  • taxas antecipadas: instituições sérias não solicitam o pagamento de nenhuma taxa antecipada antes da liberação do empréstimo;
  • pressão para o fechamento do empréstimo: desconfie de financeiras que pressionarem você para fazer a contratação do empréstimo solicitado;
  • informações pessoais: não informe o número do seu telefone ou de cartão de crédito sem antes saber como essa informação será utilizada;.

3 Opções de empréstimo pessoal que costumam ter juros mais baixos

Acumular dívidas é algo que quando acontece, sua vida vira de ponta cabeça. É uma situação complicada e ruim. Porém, se você contratar um empréstimo errado, a sua situação pode ficar pior. Muitos empréstimos têm altas taxas de juros, que ao final do pagamento, o valor pago chega a triplicar do emprestado.

Antes de sair por aí pedindo um empréstimo, verifique o seu orçamento. Veja se não consegue poupar dinheiro por um tempo e quitar suas dívidas. Veja com familiares e amigos se seria possível emprestar dinheiro, evitando assim taxas de juros.

Mas, se você já tentou todas as opções e não conseguiu quitar suas dívidas, fique tranquilo, separamos para você os três tipos de empréstimo pessoal que costumar ter juros mais baixos.

1.    Crédito consignado

Essa é a modalidade mais indicada de empréstimo pessoal pelos especialistas. Os juros são os mais baixos do mercado. Nessa modalidade de empréstimo, o pagamento é realizado direto na folha de pagamento do funcionário, por esse motivo os bancos não têm grandes riscos e assim, conseguem abaixar os juros.

O ponto negativo dessa modalidade é que nem todos conseguem contratar. Somente pensionistas e aposentados do INSS e alguns funcionários públicos conseguem contratar esse tipo de empréstimo pessoal.

2.    Refinanciamento do imóvel

Nessa modalidade de empréstimo, a pessoa que possui um imóvel em seu nome pode usá-lo como forma de garantia para emprestar dinheiro. Como o banco tem a garantia de que se você não pagar, ele assume seu imóvel, os riscos são poucos, então os juros são muito baixos e o número de parcelas podem chegar até 20 anos.

3.    Antecipação da restituição do imposto de renda

Nesse tipo de empréstimo pessoal, a pessoa que irá emprestar o dinheiro, tem o pagamento do empréstimo debitado automaticamente da sua conta quando a restituição do imposto de renda cair. Por esse motivo, os juros são baixos, afinal o banco possui garantia do recebimento.

Empréstimos para Negativados: É possível fazer um empréstimo estando negativado?

Conseguir um empréstimo para negativado era muito difícil há alguns anos. Isso porque a condição destas pessoas não permitia que as instituições tivessem segurança para liberar o crédito para eles.

Mas hoje em dia essa situação mudou e já é possível conseguir um empréstimo para negativado.

Como milhões de brasileiros se encontram nessa situação, os bancos e empresas financeiras perceberam que seria interessante oferecer uma linha de crédito para esse público.

Você vai descobrir se é possível conseguir um empréstimo para negativado neste texto e todos os detalhes sobre o assunto.

Empréstimo para negativado é possível?

Atualmente já é possível conseguir um empréstimo para negativado. As principais empresas financeiras e bancos no mercado oferecem uma linha especial de crédito para este tipo de público.

Uma pessoa fica com o nome negativado quando deixa de pagar alguma dívida. A empresa detentora da dívida encaminha o nome do inadimplente para um órgão de proteção ao crédito.

Essas empresas negativam o nome para que a pessoa não se envolva com mais dívidas. Enquanto a situação não for resolvida, o nome permanece negativo.

Como fazer um empréstimo para negativado?

Para fazer um empréstimo para negativado é necessário localizar uma instituição que faça isso.

Bancos e empresas financeiras costumam oferecer esse tipo de empréstimo com juros mais altos, pois o risco do não pagamento é maior.

Ao encontrar uma instituição que faça isso, a pessoa passará por uma análise de crédito. Se aprovada, o dinheiro é liberado em pouco tempo.

O empréstimo para negativado é seguro?

O empréstimo para negativado é totalmente seguro se feito em empresas que tenham uma boa reputação no mercado e estão dispostas a realizar investimentos.

Essas empresas são conhecidas pelo bom atendimento e variedade nos serviços oferecidos.

Você sabia que é possível conseguir um empréstimo para negativado? Já passou por alguma situação parecida?